Canto do Rio Carioca Série C

Em entrevista, presidente do Canto do Rio planeja Série C só para 2017

Mandatário do Cantusca foca na busca pelo equilíbrio financeiro, mas garante categorias de base em funcionamento já no próximo ano

REDAÇÃO FUTEBOL GONÇALENSE
12244641_792922174150459_5336346172376877083_o
Presidente do Canto do Rio entrega camisa do clube ao secretário de esportes de Niterói, Bruno Souza. Foto: Divulgação.

Muito se falou nos últimos meses sobre o tão aguardado retorno do Canto do Rio – tradicional clube de Niterói – ao futebol profissional em 2016, para a disputa da Série C do Campeonato Carioca. Mas segundo o planejamento da diretoria, a equipe só deve voltar a aparecer nos gramados do Rio de Janeiro em 2017.

Em entrevista ao Jornal O Fluminense, o presidente do Canto do Rio, Rodney Mello, deixou claro que as prioridades para o ano que se aproxima são muitas, mas nenhuma delas envolve a disputa de competições no futebol prosissional. A ideia é se organizar melhor, aderindo ao PROFUT (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro) e reativando as categorias de base.

— O Canto do Rio tem uma dificuldade pois como não temos a Certidão Negativa de Débito (CNDs), não conseguimos prospectar verbas do poder público. Temos buscado a adesão ao PROFUT, que teve o prazo prorrogado, e estamos trabalhando com a ajuda da federação para aderir ao projeto. Com isso, poderemos conseguir as certidões e a receita do poder público — disse Mello ao Jornal O Fluminense.

O dirigente do Cantusca falou também sobre a aliança com o Botafogo, que prevê a utilização conjunta do Estádio Caio Martins, localizado no bairro de Icaraí, além de uma possível parceria que envolveria o empréstimo de atletas. Rodney Mello deixou claro que o planejamento do Canto do Rio, independente do auxílio alvinegro, não vislumbrava a participação na Terceirona de 2017. Ele prega cautela.

— Mesmo com essa questão do Botafogo, já era nosso objetivo não atuar profissionalmente no ano que vem. O futebol tem que ter planejamento e o Canto do Rio está retornando ao esporte. E não podemos errar novamente, pois estamos fora desde 2010 — pontuou.

De olho na base

O Canto do Rio vem se movimentando desde novembro com o intuito de reativar suas categorias de base no futebol de campo. Processos seletivos estão sendo realizados no Campo do Gradim, em São Gonçalo, para a formação de elencos sub-17 e sub-20.

— Já vem sendo feito um trabalho de peneira, com as escolinhas montadas. Vamos implementar o sub-17 e o sub-20 em 2016, já prospectando o profissional em 2017 — afirmou o presidente ao Jornal O Fluminense.

Desde que asumiu o comando do Canto do Rio, em 2014, Rodney Mello vem adotando medidas de valorização do clube, como a reforma de toda a sede social, além da busca pelo equilíbrio financeiro. Além disso, diversos eventos ações estão sendo realizados com o intuito de resgatar a história do clube, como a camisa “retrô” lançada para homenagear o time de 1953, campeão do Torneio Início do Campeonato Carioca.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s