São Gonçalo EC

Em três anos, Luis Guilherme marca nome na história do São Gonçalo

Luis Guilherme tem grande identificação com o São Gonçalo. Foto: Jhonathan Jeferson

O São Gonçalo disputa competições profissionais desde 2012, quando debutou na Série C do Campeonato Carioca. Desde então, foram dois títulos da terceirona, em 2013 e 2016, caminhando agora para sua quinta participação na segunda divisão do Estadual.

Os números da equipe ainda são modestos, mas dentro das quatro linhas jogadores vão marcando seus nomes com o passar do tempo. O goleiro Luis Guilherme, por exemplo, defendeu o Azul e Branco nas últimas três temporadas e é o arqueiro com mais atuações, deixando os campeões Filipe e Diego para trás. Com 68 jogos, o camisa 1 classifica como valioso o marco no clube.

– Pra mim é um marco muito valioso. Em três anos no clube, eu só não atuei em um jogo de 2017, porque fui poupado. Tive que superar lesões para poder jogar alguns jogos importantes e ter chegado a esse número me dá a sensação de dever cumprido.

Revelado pelo Botafogo e com passagens importantes pelas seleções brasileiras de base, Luis Guilherme só teve grande sequência de titular no Mais Querido. Após três anos, a identificação e o carinho é recíproco entre clube e jogador.

– O São Gonçalo é um clube que gosto e torço muito. Fiz grandes amigos e tive momentos especiais à frente do clube. Sempre vou torcer e apoiar o Mais Querido onde quer que ele esteja.

Capitão em diversas partidas, Luis Guilherme só possui menos partidas do que o volante Joseph, que soma 78 jogos. Na última temporada, o arqueiro ultrapassou o zagueiro Índio e o atacante Marcos Vinicius, que somam 65 e 67 atuações respectivamente.